Infoprodutos um ótimo negócio, e com baixo investimento.

Você tem conhecimento em alguma área especifica?

Tem bagagem para falar de algum assunto?

Tem um hobbie interessante?

Então você pode começar a pensar como desenvolver um infoproduto!

O setor de infoprodução está no topo dos modelos de negócios online, e é um dos sistemas mais promissores de ganhos diretos e indiretos na internet, bastando o empreendedor ter criatividade e disciplina para fomentar ideias, validá-las e vender em canais digitais.

criar um produto digital é uma escolha inteligente, com baixos riscos e com grande potencial de lucro e escala.

Um produtos que muitos empreendedores estão investindo, são os cursos onlines, vou citar um exemplo aqui para vocês: Um curso que ensina a pessoa a fazer Doces Gourmet, que hoje em dia esta tendo muita procura em todos os tipos de festas. 

Esse Nicho esta tendo muito procura pois pessoas que já atuam nessa área de confeitaria e Buffet para festas, estão se especializando e outras se atualizando, esse é apenas um exemplo entre muitos que já existem nesse mercado.

Criar um produto hoje em dia já não é mais sinônimo de processos industriais, fabricação física ou investimentos altos em pesquisa e desenvolvimento.

Criar um produto hoje em dia já não é mais sinônimo de processos industriais, fabricação física ou investimentos altos em pesquisa e desenvolvimento.

Com o crescimento acelerado da internet como espaço de negócios, surgiu uma economia inovadora e interessante, que merece ser explorada a fundo.Entre as soluções criadas para atender a esse novo ambiente, estão os infoprodutos, que têm um potencial de lucro impressionante e uma abordagem simples diante do público.Mas, o que é um infoproduto? Veja agora tudo que é preciso para criar o seu e lucrar com ele! 

Veja alguns passos para criar seu próprio infoproduto

Criar um infoproduto de sucesso não é algo que acontece da noite para o dia. Afinal, o público consumidor de produtos digitais é exigente, o que o obriga a garantir que a qualidade seja elevada.

Para isso, vamos ver alguns passos básicos para criar um infoproduto de primeira linha:

  • Selecione um bom tópico para ensinar

Naturalmente, nada pode ser feito antes que você decida sobre o que vai falar com sua audiência. Então, por onde começar para fazer essa escolha?

Há duas perguntas simples que você deve fazer a si mesmo para determinar rapidamente a melhor forma de educar seu público:

  • Quais são os assuntos que mais interessam ao meu público?
  • Sobre qual desses tópicos eu tenho maior conhecimento?

Enquanto a primeira pergunta pode parecer ampla demais, a segunda é que realmente ajuda a determinar a escolha.

O equilíbrio entre o que o público quer e o sobre o que você sabe falar com mais propriedade é o ideal.

  • Escolha o melhor tipo de infoproduto para sua audiência

Depois de escolher o tema do seu infoproduto, como escolher entre as opções que citamos acima? Novamente, fazer algumas perguntas a si mesmo será de grande ajuda:

  • Quem é a persona que vai se beneficiar desse infoproduto?
  • Ela tem algum formato preferido de conteúdo?
  • Quanto a minha persona já conhece sobre o tema de que vou falar?

Esse tipo de pergunta ajuda a evitar formatos que não tenham tanta popularidade ou que seriam mais difíceis para a persona assimilar.

Além disso, se perceber que o público já conhece bastante sobre o tema de que deseja falar, pode ser melhor investir na produção de uma ferramenta.

  • Pesquise o que já foi feito sobre o tópico em questão

Com o tópico e o tipo de infoproduto já definidos, é hora de fazer uma pesquisa sobre o que já foi feito nesse sentido, e se possível descobrir qual foi o desempenho de cada infoproduto pesquisado.

Por exemplo, se decidiu escrever um ebook sobre como aumentar as vendas de uma pequena empresa, veja quais são os outros ebooks já lançados sobre isso —  ou sobre temas similares.

Então, tente descobrir se ele teve muitos dowloads, se os leitores gostaram e se a empresa que o produziu fez mais ebooks como este depois.

Tudo isso o ajudará a dar uma abordagem nova, diferente, fugir das coisas que o público não gosta e não deixar de incluir o que faz mais sucesso.

  • Produza o melhor conteúdo possível

Agora é a melhor parte: produzir o melhor conteúdo possível sobre o assunto escolhido!

De todo o trabalho envolvido na criação de um infoproduto, a produção de conteúdo é o que “fala mais alto” para definir se ele terá sucesso ou não.

Tome tempo para pesquisar boas referências sobre o assunto e pensar na linguagem que vai usar.

Finalmente, aprender os aspectos operacionais envolvidos — principalmente no caso de conteúdo multimídia — será vital para que o bom conteúdo que criou não seja ofuscado por problemas de estrutura.

  • Edite bem o que produziu

Se engana quem pensa que basta produzir conteúdo de qualidade para que ele seja bem aceito e traga retorno.

O que vem depois disso é, no mínimo, tão importante quanto: a edição.

Basta pensar no que acontece com livros e filmes: todos passam por um cuidadoso processo de edição, que faz com que materiais bons se transformem em verdadeiras obras primas.

Da mesma forma, no caso do seu infoproduto, é essencial revisar tudo que foi feito, fazer mudanças, refinar o que já estava bom e reafirmar a abordagem escolhida até finalizar o produto.

  • Capriche na apresentação do produto

Um ditado comum no mundo dos negócios, e muito válido no caso de um infoproduto, é: “não basta ser, tem de parecer”. O que isso significa?

Sem uma apresentação impecável, por melhor que seja a qualidade do produto ou o valor que ele ofereça, poucas pessoas realmente se interessarão por ele a ponto de comprá-lo.

Uma embalagem atraente, mesmo falando de um produto digital, é fundamental para que a sua criação seja vista, lembrada e desejada.

Por isso, dedique o mesmo cuidado e atenção a esse ponto que dedicou ao conteúdo e se sairá bem.

  • Hospede o infoproduto em uma plataforma

Mesmo um produto digital exige logística de pagamento, entrega e suporte aos compradores e, caso você decida fazer tudo por conta própria, terá muito trabalho manual à medida que as vendas aumentarem.

O ideal é automatizar todo o processo em um único software que faça todo o trabalho operacional automaticamente, assim você terá tempo para focar nas estratégias de marketing.

Pesquise qual empresa mais se adequará às suas necessidades a curto, médio e longo prazo. E encontre uma plataforma que vá hospedar e gerenciar os seus infoprodutos da melhor forma.

Obs: para quem tiver interesse em saber um pouco mais sobre o nicho que demos a dica no artigo acima, ( Doces gourmet) vou deixar aqui uma dica. clique aqui.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *